Polícia liberta motorista de caminhão que ficou quatro horas sob poder de criminosos no Noroeste Fluminense

Policiais da 146ª DP (Guarus), com apoio da inteligência da Polícia Rodoviária Federal (PRF), libertaram nesta quinta-feira o motorista de um caminhão que ficou quatro horas sob poder de criminosos que o abordaram para roubar a carga que transportava, no Noroeste Fluminense. Os agentes também recuperaram o veículo e prenderam em flagrante três integrantes da quadrilha – Adeildo Soares Tavares, conhecido como Mão Branca, Alexandre Salustiano da Silva e Lauro Célio Almeida Vieira.

Segundo informações da Polícia Civil, o grupo praticou cerca de 20 roubos em um período de três meses, lucrando com os crimes cerca de R$ 5 milhões.

Ainda de acordo com as investigações, a quadrilha abordou o caminhão na madrugada desta quinta-feira na BR-101, em Campos dos Goytacazes, e levou o motorista para um matagal na divisa com o Espírito Santo. No local, ele foi ameaçado com uso de arma de fogo. Já o veículo foi levado para o morro do Coco, em Campos.

Após o local onde os criminosos estavam ter sido descoberto, os policiais fizeram um cerco e prenderam integrantes da quadrilha. A carga também foi integralmente recuperada, além do caminhão roubado. No veículo, havia ao menos três marcas de tiros no para-brisa.

Os presos foram autuados em flagrante pelos crimes de roubo majorado e associação criminosa.