Polícia nos EUA é investigada por uso de spray de pimenta em menina de 9 anos

·1 minuto de leitura
.

(Reuters) - Policiais da cidade Rochester, no estado norte-americano de Nova York, estão sendo investigados após a publicação de imagens captadas da câmera de um policial que mostram agentes usando spray de pimenta e algemando uma menina de 9 anos de idade.

Os policiais disseram que responderam a uma perturbação familiar na sexta-feira, e o vídeo do incidente mostrou policiais lutando contra a menina no chão no meio da neve.

"Você está agindo como uma criança", diz um policial à menina. "Eu sou uma criança", diz a menina, que parece ser negra, enquanto grita, chamando por seu pai.

A investigação acontece meses após Rochester estremecer diante de protestos por conta da morte por sufocamento de um homem negro no ano passado, após a polícia colocar um saco plástico sobre sua cabeça.

Um inquérito concluiu que os sete agentes envolvidos na morte de Daniel Prude, 41, agiram de acordo com os padrões éticos e políticas do departamento.

No incidente de sexta, a polícia respondia a um chamado de emergência de "problemas familiares", disse o chefe de polícia Andre Anderson a jornalistas. Ele disse que a garota havia "indicado que queria se matar e que queria matar sua mãe".

(Reportagem de Barbara Goldberg em New York)