Polícia de NY tem plano de contingência contra violência após eleição

LÚCIA GUIMARÃES
·1 minuto de leitura

NOVA YORK, EUA (FOLHAPRESS) - A polícia de Nova York tem pronto um plano de contingência para isolar quarteirões de Manhattan caso haja vandalismo e saques após a eleição. O comando da corporação informou à tarde que o dia de votação foi tranquilo e não espera os distúrbios ocorridos em junho, após o assassinato de George Floyd, morto por um policial em Minneapolis. Os detalhes do plano de contingência não foram divulgados, mas a Escola de Artes Visuais enviou uma circular aos alunos e funcionários informando que o seu campus, no bairro de Chelsea, está numa das áreas escolhidas para o isolamento e vai ficar fechado até sexta-feira (6). Grupos defensores de direitos civis são críticos da tática de congelar áreas para prevenir protestos, como ocorreu no acampamento Occupy Wall Street, de 2011.