Polícia prende acusados de integrar quadrilha que furtava bezerros na área rural de São Pedro da Aldeia

Policiais da 125ª DP (São Pedro da Aldeia) realizaram na manhã desta quarta-feira uma operação destinada ao cumprimento de dez mandados de prisão preventiva e outros dez de busca e apreensão contra acusados de integrar uma quadrilha responsável pelo furto, abate e venda de gado nas fazendas daquele município, na Região dos Lagos. Pelo menos oito pessoas já foram presas até o momento, segundo a polícia.

As investigações que originaram a operação batizada como "Le Gado" tiveram início depois que um fazendeiro do bairro de Jardim Primavera, ter localizado no começo de dezembro um veículo atolado no interior de sua propriedade, dentro de um buraco. Na ocasião, ele observou que havia diversas marcas no terreno, supostamente de passagem de um caminhão.
Logo após ter feito a descoberta, o fazendeiro deu por falta de dez bezerros. E, sem seguida de outras oito cabeças de gado. Com base em dados do veículo abandonado na fazenda e ações de inteligência, a polícia conseguiu identificar dez pessoas que seriam responsáveis por furtos de animais na área rural do município.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos