Polícia prende um dos líderes da milícia que tentava retomar territórios em Jacarepaguá

Extra
·1 minuto de leitura

Policiais da 32ª DP (Taquara) prenderam, neste sábado, Pedro Henrique da Mota Costa, o Almôndega, que seria um dos líderes das invasões às comunidades Santa Maria e Teixeiras, em Jacarepaguá, nas últimas semanas. Ele seria homem de confiança de Welligton da Silva Braga, o Ecko, que determinava as ações. Para a Polícia Civil, a prisão deve pôr fim ao intenso confronto e disputa territorial que vêm ocorrendo nas localidades.

As equipes policiais receberam informações do setor de inteligência para irem até Campo Grande, onde fizeram a prisão em flagrante. Almôndega estava com uma Pistola Glock, carregadores, munições, granada, além de fardamento completo assemelhado ao usado pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope/RJ).

Almôndega atuava nas retomadas de territórios da milícia Liga da Justiça ao lado ainda de Francisco Anderson da Silva Costa, o "Garça ou PQD". O suspeito foi surpreendido durante a ação policial logo nas primeiras horas do dia de sábado, para evitar a possibilidade de reação à abordagem empregada pela equipe. Após as medidas de praxe, ele será encaminhado à Polinter.