Polícia procura pais que abandonaram recém-nascido em caixa de papelão em Salvador

·2 minuto de leitura

A Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca) já iniciou as investigações para localizar os pais que abandonaram uma recém-nascida em uma caixa de papelão, no bairro de Paripe, em Salvador, no último sábado.

A criança, chamada de Sophia em carta deixada pelos pais, foi encontrada por catador de materiais recicláveis em frente a garagem de ônibus na Avenida Afrânio Peixoto. Um funcionário da empresa que acionou a polícia.

Na mensagem, os pais falam sobre a falta de condições financeiras e psicológicas para sustentá-la, e ainda deixam um pedido para quem for cuidar da menina.

“Filha, sei que o que estou fazendo é muito doloroso. Infelizmente eu e sua mãe estamos vivendo uma vida muito difícil, as vezes não temos o que comer em casa. Dói muito fazer o que estou fazendo. Você é muito pequena e não sabe ainda o que é a vida. Sei que não tem culpa de ter nascido, mas infelizmente não tenho condições de te dar uma vida digna. Espero um dia te ver novamente e poder te pedir perdão pelo que o que eu fiz. Espero que quem te achar, cuide muito de você e te ame muito. Novamente, me perdoe por isso mas infelizmente não tenho condições financeiras e nem psicológica para te dar uma vida boa. Cuidem muito bem da minha pequena Sophia que ela cresça nos caminhos do Senhor. Saiba que nós te amamos, filha. Beijos de seu pai e de sua mãe”.

Policiais militares da 19ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) foram acionados e fizeram contato com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A criança foi levada para Maternidade Tsylla Balbino, onde ela ficou recebendo cuidados médicos. O caso foi registrado na 5ª Delegacia Territorial, no bairro de Periperi.

Os pais, que ainda não foram identificados, podem ser responsabilizados pelo crime de abandono de incapaz, segundo a polícia.

Outro caso

A Polícia Civil também investiga outro abandono de um recém-nascido no bairro de São Caetano, nesta segunda-feira. Equipes foram à unidade de saúde onde o bebê está sendo atendido, para apurar a autoria do abandono. A criança foi encontrada por um idoso, que esteve na 4ª DT/São Caetano. Durante a orientação para socorro da vítima, uma viatura da Polícia Militar, que passava pelo local, levou a criança para um hospital.