Htin Kyaw renuncia à presidência de Mianmar para "descansar"

Bangcoc, 21 mar (EFE).- O presidente de Mianmar, Htin Kyaw, renunciou para "descansar", como afirma nesta quarta-feira em uma mensagem da página do Facebook do gabinete da presidência do país.

A renúncia acontece depois que o governo da Liga Nacional pela Democracia (NLD), da vencedora do Prêmio Nobel da Paz, Aung San Suu Kyi, admitisse que Htin Kyaw tinha viajado várias vezes para o exterior com o objetivo de submeter-se a tratamento médico. EFE