Polícia do Rio faz maior apreensão de armas e drogas do ano

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A polícia do Rio fez nessa quinta-feira a maior apreensão de armas e drogas do ano e uma das mais expressivas dos últimos tempos ao estourar um paiol com 30 armas de grosso calibre, como metralhadora anti-aérea, e mais de 8 toneladas de drogas.

A apreensão aconteceu no conjunto de favelas da Maré, na zona norte da cidade, e, foi comemorada pela cúpula da polícia e pelo governador do Estado, Wilson Witzel (PSC).

Na operação foram apreendidos 23 fuzis que estavam em poder dos criminosos da região e duas metralhadoras capazes de abater aeronaves.

Na ação houve ainda ao menos cinco prisões e uma morte.

O governador reiterou o discurso de que na sua gestão jogará duro com o crime organizado.

"O recado está dado: não enfrente a polícia. Se enfrentar a polícia, só há dois caminhos: será preso ou será morto”, declarou Witzel a jornalistas.

A estimativa é que só neste ano mais de 300 fuzis já tenham apreendidos no Rio.


(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)