Polícia do Rio investiga vídeos de possível invasão criminosa na Baixada Fluminense

A Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais (Draco) investiga vídeos compartilhados nas redes sociais sobre uma possível invasão criminosa no Km 32, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Nas imagens, ao menos dez homens armados aparecem chegando ao local. Moradores indicam que seria um grupo miliciano que tenta retomar uma área invadida pelo bando de Zinho – maior milícia do estado do Rio. A polícia não confirma a versão até o momento.

Ousadia: Golpistas presos no Rio salvaram o contato de alvo da quadrilha como 'próxima vítima'

Tortura: 'Eles sentiam prazer enquanto me batiam', diz pintor espancado em bar de São Gonçalo

O material foi divulgado na internet neste sábado. Em alguns registros, moradores indicam haver uma intensa troca de tiros na região. Segundo a Polícia Militar, no entanto, o conteúdo não foi gravado ontem, mas a corporação não tem informação sobre quando foram feitas as imagens. Equipes do 20ºBPM (Nova Iguaçu), porém, reforçaram o policiamento no bairro após os relatos.