Polícia Rodoviária usou caminhonetes blindadas, apelidadas 'caveirinhas', para entrar na Vila Cruzeiro

A ação na Vila Cruzeiro foi planejada pela Polícia Militar, mas contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, cujo papel foi fundamental no transporte da tropa em seus veículos blindados, menores e mais ágeis, para vencer as barricadas reforçadas do tráfico aos acessos do Complexo de favelas da Penha. As Viaturas Blindadas de Operações Táticas (VBOT) da PRF, nome oficial, receberam os apelidos de “blindadinhos” ou “caveirinhas”, uma referência aos “caveirões” do Batalhão de Operações Especiais (Bope), bem maiores e pesados.

Os VBOTs têm 800 quilos de blindagem e são capazes de suportar tiros de fuzil calibre 7.62, além de granadas. Integrantes do Bope, que participaram da operação com os 26 agentes da PRF, foram transportados até o alto do morro em 11 picapes blindadas da instituição federal, número confirmado pela assessoria da corporação.

Outra peculiaridade na operação de anteontem foi a participação de “snipers”, atiradores de precisão do Bope. A Polícia Militar, no entanto, disse que eles não foram usados, porque os policiais estavam na parte alta do morro, na Serra da Misericórdia e que o confronto ocorreu na mata, onde não se aplica o uso de snipers.

Há um sistema de proteção contra artefatos explosivos que, caso sejam detonados ao redor do veículo, eles não atingem seus ocupantes. Os pneus são capazes de rodar por mais 30 quilômetros sem se esvaziarem, mesmo após serem perfurados por tiros. Se os agentes quiserem atirar de dentro da caminhonete, há pequenas portinholas, estrategicamente posicionadas, para se colocar a ponta de um fuzil. O carro foi concebido para as operações em áreas de risco, dando o máximo de proteção aos agentes.

As VBOTs começaram a ser usadas no Espírito Santo, no início deste ano. As "caveirinhas" passaram a ser cobiçadas pelas forças de segurança do estado do Rio, uma vez que as ruas das favelas são muito estreitas e repletas de barricadas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos