Polícia apreende maconha com imagem de Lula vestido como presidiário

Polícia apreende tabletes maconha com imagem de Lula vestido de presidiário - Foto: Divulgação/Polícia Militar MG

Policias militares de Campestre, região sul de Minas Gerais, realizaram uma apreensão de drogas, no mínimo, diferente. Eles recolheram tabletes de maconha com imagens editadas que mostram o ex-presidente Lula atrás das grades e usando roupa de presidiário. No total, 46 quilos de maconha foram confiscados.

De acordo com a PM, a droga foi encontrada em uma caminhonete que circulava pela pequena cidade de forma suspeita. Os militares foram averiguar o veículo e acabaram encontrando a droga dividida em quase 70 pacotes.

Leia também

O motorista tentou fugir quando percebeu que a abordagem policial, mas não obteve sucesso. Apesar de o carro ser parado, um dos integrantes conseguiu fugir a pé.

Os pacotes da droga com o rosto do petista estavam espalhados por todo o interior do veículo. O motorista, que não teve o nome divulgado, possui terras na cidade, mas a polícia não forneceu mais detalhes sobre a identidade do suspeito.

Polícia apreende tabletes maconha com imagem de Lula vestido de presidiário - Foto: Divulgação/Polícia Militar MG

Ainda conforme informações da polícia, o destino mais provável da droga seria Poços de Caldas, a maior cidade da região, que está separada por 40 km de Campestre, cidade com apenas 21 mil habitantes.

Antes da abordagem ao veículo em Campestre, a polícia recebeu informações sobre um outro carro, com problemas mecânicos na região de Machado, a 45km de onde a droga foi encontrada.

Após a apreensão da maconha, a polícia foi à Machado e lá encontraram o carro denunciado, que tinha um fundo falso. A suspeita é que a droga estivesse nesse primeiro veículo antes dele apresentar problemas mecânicos. O suspeito encontrado no carro quebrado também foi preso.