Polícia apreende suspeito de realizar ataque com machadinha em escola do RS

Jovem usou machadinha para atacar escola no Rio Grande do Sul - Foto: Reprodução

A Brigada Militar apreendeu o suspeito de invadir e atacar alunos do Instituto Estadual Educacional Assis Chateaubriand, em Charqueadas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O adolescente de 17 anos foi encaminhado, na tarde desta quarta-feira (21), para a Delegacia de Polícia da cidade para prestar esclarecimentos.

SIGA O YAHOO NOTÍCIAS NO INSTAGRAM

SIGA O YAHOO NOTÍCIAS NO FLIPBOARD

"Recebemos a informação do comandante-geral da Brigada Militar que está sendo conduzido o suspeito, muito possivelmente o autor do fato, para ser entrevistado pelo delegado que conduz a investigação. Muito possivelmente teremos a elucidação até o fim da tarde", afirma o vice-governador Ranolfo Vieira Jr.

Leia também

A apreensão ocorreu por volta das 16h, horas depois do ataque. Ainda, segundo Ranolfo, ele seria um ex-aluno do colégio.

O ataque ao Instituto Estadual Educacional Assis Chateaubriand, na região metropolitana de Porto Alegre, deixou uma professora e pelos menos seis alunos feridos no começo da tarde desta quarta-feira (21). O adolescente usou uma machadinha e tentou incendiar uma sala de aula com um coquetel molotov.

As vítimas não tiveram ferimentos graves e foram encaminhadas ao Hospital de Charqueadas, que descartou risco de morte. O hospital informou que as vítimas são: duas meninas de 12 anos, uma menina de 13 anos, dois meninos e uma menina de 14 anos.

Ataque em Suzano

O ataque lembra outra tragédia ocorrida ainda esse ano. Em 13 de março, dois jovens encapuzados atacaram a Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano (SP). Na ocasião, a dupla matou sete pessoas, sendo cinco alunos e duas funcionárias do colégio.

No fim do ataque, um dos assassinos atirou no colega e, depois, se suicidou. Os criminosos eram ex-alunos do colégio Professor Raul Brasil.