Polícia investiga sogra e ex-mulher de Lázaro por suposta ajuda ao criminoso

·2 minuto de leitura
Lázaro Barbosa estaria escondido na casa da ex-sogra (Foto: Reprodução)
Lázaro Barbosa estaria escondido na casa da ex-sogra (Foto: Reprodução)

A polícia de Goiás fez buscas dentro da casa da ex-sogra de Lázaro Barbosa, antes de o criminoso ser capturado e morto nesta segunda-feira (28). Segundo denúncias, o criminoso teria se escondido no local nos últimos dias. As informações são do portal Metrópoles.

Identificada apenas como Isabel, a ex-sogra de Lázaro deixou os policiais entrarem e colabora com as investigações. A ex-mulher do criminoso também esteve no local e foi levada para a delegacia para prestar depoimento.

Leia também

O secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, confirmou que ambas estão sendo ouvidas para confirmar se houve algum tipo de colaboração para ajudar Lázaro a fugir.

O criminoso passou 20 dias foragido da polícia e foi encontrado nesta segunda. Segundo policiais envolvidos da ação, houve uma troca de tiros e Lázaro Barbosa foi morto. 

Captura de Lázaro Barbosa

O assassino Lázaro Barbosa de Sousa, de 32 anos, morreu após um confronto e troca de tiros com policiais que estavam em sua procura, na manhã desta segunda-feira (28).

A primeira informação da captura de Lázaro foi dada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), que fez o anúncio em suas redes sociais de que o serial killer teria sido preso.

Posteriormente, agentes das forças de segurança relataram que ele foi baleado, levado para um hospital de Águas Lindas de Goiás e morto.

Lázaro é condenado por assassinatos e estupros. Ele estava sendo procurado há 20 dias por uma série de crimes na Bahia e em Goiás. Há também uma acusação de que ele teria executado quatro pessoas de uma mesma família, o que lhe rendeu o apelido de "serial killer do DF".

"Como eu disse, era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do País, capturasse o assassino Lázaro Barbosa. Parabéns para as nossas forças de segurança. Vocês são motivo de muito orgulho para a nossa gente! Goiás não é Disneylândia de bandido", disse o governador Ronaldo Caiado em uma rede social.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de Goiás, Lázaro dece ser encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para o exame de corpo de delito e, posteriormente, será levado para o presídio de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos