Polícia não descarta que marido possa ter agredido Joice Hasselmann

·1 minuto de leitura
Joice Hasselmann e marido, Daniel França (Foto: Reprodução/CNN Brasil)
Joice Hasselmann e marido, Daniel França (Foto: Reprodução/CNN Brasil)
  • Polícia não descarta hipótese de Joice Hasselmann ter sido agredida pelo marido

  • Ambos estavam no apartamento no momento da agressão, mas dormiam em quartos separados

  • Daniel França e Joice Hasselmann negam que ele tenha sido responsável pelas lesões da deputada

A Polícia Legislativa ainda não descartou a possibilidade de a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) ter sido agredida pelo marido, o médico Daniel França. Os dois estavam dentro do apartamento quando a parlamentar sofreu diversas lesões, mas dormiam em quartos separados.

Segundo informações da coluna do jornalista Guilherme Amado, do Metrópoles, as autoridades entendem que não há elementos que apontem Daniel França como culpado, mas também não há comprovação de que a hipótese possa ser descartada.

Leia também

Em entrevista coletiva no último domingo (25), Joice e Daniel França falaram e negaram essa possibilidade de forma categórica.

Daniel dormia em outro quarto quando Joice sofreu as lesões em diversas partes do corpo. O casal explicou que o médico tem problemas com ronco e, por isso, eles costumam dormir em quartos separados. Pela manhã, ao acordar, Joice teria ligado para o marido para que ele a socorresse.

Até o momento, os policiais constataram que não havia sinais nas mãos do médico de que ele teria agredido a esposa. Por outro lado, autoridades entendem que, provavelmente, Joice Hasselmann gritou. Outro ponto que chama atenção dos policiais foi a demora da deputada para registrar a ocorrência: Joice teria sido agredida na madrugada do dia 18, mas o caso só foi relevado no dia 22 de julho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos