Polícia prende dois suspeitos e chega a sete detidos pelo mega-assalto em Araçatuba

·2 minuto de leitura
Foto: Reprodução/TV Globo
Foto: Reprodução/TV Globo
  • Homens estavam em uma chácara em São Pedro

  • Agentes apreenderam armas, carros e dinheiro com eles

  • Além dos presos, dois suspeitos foram encontrados mortos

Na madrugada desta sexta-feira (3), a Polícia Civil prendeu mais dois suspeitos de participarem do mega-assalto em Araçatuba, interior de São Paulo. Os homens foram detidos em São Pedro, perto de Piracicaba (SP), durante uma operação contra o tráfico de drogas. Agora, chega a sete o número de pessoas presas por suspeita de participar da ação na madrugada da última segunda-feira (30).

Os suspeitos estavam em um sítio e um deles apresentou documento falso. A polícia então percebeu que se tratava de um foragido por homicídio.

Com os homens, a polícia apreendeu roupas táticas, coletes balísticos, lanternas, binóculos, máquina para contar dinheiro, munições .40 e .380, carros, além de cerca de R$ 3 mil.

Leia também:

Ambos foram encaminhados para a sede do Departamento de Investigação Criminal, em São Paulo, e serão transferidos para o Centro de Detenção Provisória (CDP).

Outros presos

Além da dupla, outros cinco suspeitos foram detidos. Primeiro, um casal foi preso em Araçatuba, horas após o ataque aos bancos.

O homem foi levado do presídio de Penápolis para o Centro de Detenção Provisória (DCP) de São José do Rio Preto (SP). A mulher foi encaminhada à penitenciária de Tupi Paulista.

Um outro suspeito, de 27 anos, foi preso em Campinas. Ele confirmou a participação no crime e foi levado para o CDP de São José do Rio Preto.

Outros dois suspeitos estão internados com ferimentos, na Santa Casa de Piracicaba, sob escolta policial.

Um outro criminoso foi encontrado morto em um carro abandonado na zona rural de Araçatuba. A polícia afirma que ele foi baleado em troca de tiros com agentes.

Outro homem foi encontrado morto em Sumaré (SP), quem a polícia suspeita que também integrou a quadrilha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos