Policiais, bombeiros e agentes do Segurança Presente terão microcâmeras instaladas nos uniformes

Foi sancionada a lei que obriga o Estado do Rio a instalar microcâmeras de áudio e vídeo nos uniformes de policiais civis e militares, bombeiros e agentes do Segurança Presente. A ideia é registrar tudo o que for visto, ouvido, falado e feito. Aeronaves também ganharão o aparelho.

Até o fim o ano, o governo deverá ter um cronograma de ações. As gravações serão mantidas por, no mínimo, 60 dias. O prazo pula para 12 meses em caso de letalidade ou registro de ocorrência.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos