Policial baleado em escola do Tennessee se recupera; aluno que estava armado morre

·1 minuto de leitura
Ataque a tiros na Austin-East Magnet High School em Knoxville, Tennessee, EUA

(Reuters) - Um policial se recuperava nesta terça-feira de um ferimento de tiro sofrido na véspera quando um aluno abriu fogo em uma escola do Estado norte-americano do Tennessee e foi morto por policiais que reagiram, no mais recente de uma série recente de ataques a tiros nos Estados Unidos.

O policial Adam Willson, um veterano com 20 anos de serviço, atuava como agente de recursos escolares na escola de ensino médio Austin-East Magnet quando a polícia recebeu um alerta sobre um indivíduo armado perto das 15h15 (horário local) na segunda-feira.

Policiais localizaram o atirador em um banheiro e ordenaram que saísse, mas ele se recusou, disse o Escritório de Investigação do Tennessee (TBI) em um comunicado.

"Quando agentes entraram no banheiro, o elemento supostamente disparou, atingindo um agente. Um agente reagiu aos disparos. O elemento foi declarado morto no local", informou o TBI.

O incidente não resultou em prisões, disse a polícia de Knoxville.

Ainda nesta terça-feira, Willson se recuperava de uma cirurgia no Centro Médico da Universidade do Tennessee. "Somos gratos pelos bons votos", disse a polícia de Knoxville no Twitter.

Na segunda-feira, em seu leito de hospital, Willson disse à prefeita de Knoxville, Indya Kincannon, que levou o tiro para que outros fossem poupados.

"Eu o agradeci por colocar a vida em risco para proteger alunos e funcionários da escola. Ele disse que preferia que o ferissem, e não qualquer outro", contou ela ao canal CBS News.

(Por Barbara Goldberg, em Nova York)

((Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223-7128))

REUTERS PF