Policial que matou irmã com disparo acidental diz que tinha acabado de comprar a arma

Jovem de 18 anos morreu após disparo acidental de arma usada pelo irmão em Botucatu (SP). (Foto: Facebook / Reprodução)
Jovem de 18 anos morreu após disparo acidental de arma usada pelo irmão em Botucatu (SP). (Foto: Facebook / Reprodução)

O policial civil que matou a irmã de 18 anos com um disparo acidental, em Botucatu (SP), alegou que nunca havia manuseado a arma envolvida no acidente. Leonardo Matheus Carmello, 28 anos, afirmou em depoimento à Polícia Civil que havia adquirido a pistola Glock 9mm apenas duas semanas antes e que resolveu manuseá-la durante um churrasco em família, na quinta-feira (16). As informações são do G1.

Maria Vitória Carmello foi atingida por um disparo no pescoço. Para a polícia, o rapaz disse que pediu para a irmã filmá-lo enquanto ele tentava destravar o ferrolho da arma, que havia enroscado. A intenção era enviar o vídeo depois ao seu professor de armamento e tiro da Academia de Polícia Civil. Ele contou que retirou o carregador, mas que não se lembra se verificou se havia uma bala na câmera.

De acordo com o delegado Lourenço Talamonte, responsável pelas investigações, esse tipo de pistola possui o “cão” (peça que faz o disparo) embutido e, por isso, requer bastante experiência em seu manejo.

Talamonte afirmou ainda que há regras especiais de segurança para o manuseio desse tipo de pistola e que isso jamais deve ser feito na frente de uma pessoa.

No interrogatório, o policial civil também admitiu que havia ingerido bebida alcoólica no dia do acidente. Um laudo do Instituto Médico Legal (IML) também já havia comprovado a ingestão de álcool.

Leonardo foi preso em flagrante, mas foi liberado nesta sexta-feira (17) após passar por audiência de custódia para responder em liberdade. Ele está sendo investigado por homicídio doloso (dolo eventual), porque embora tenha sido um acidente, o rapaz assumiu o risco de manusear a arma perto da irmã.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos