Por campanha de alimentação para crianças, príncipe William condecora Rashford com título de Membro do Império Britânico

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Atacante do Manchester United e da seleção inglesa, Marcus Rashford recebeu das mãos do príncipe William um importante título de honra no Reino Unido. Em reconhecimento aos serviços prestados à comunidade em sua campanha pela alimentação das crianças durante a pandemia da Covid-19, o jogador agora tornou-se Membro do Império Britânico (MBE).

A condecoração com o título, que também já foi entregue a nomes como Steven Gerrard, Adele, Ed Sheeran e Harry Kane, foi anunciada em outubro do ano passado, mas a cerimônia no Castelo de Windsor e só foi realizada nesta terça-feira. Rashford compareceu acompanhado da mãe, Melanie.

Durante a pandemia, Rashford mobilizou o governo britânico e empresas do ramo alimentício a manter um esquema de refeições para crianças carentes do Reino Unido. Engajado na causa, o atacante ouviu insatisfações das famílias e chegou a conversar com o premiê Boris Johnson para tratar de problemas na distribuição. Pelos esforços, o atacante já havia recebido o título de doutor honoris causa pela Universidade de Manchester.

"Continue com o trabalho vital que você faz pelas crianças vulneráveis do Reino Unido", postou a conta oficial do Duque e da Duquesa de Cambridge no Twitter. Também na rede social, o atacante respondeu ao príncipe: "Foi uma honra passar a manhã com vocês. Obrigado por fazer o dia tão especial para mim e para minha mãe. Muito orgulhoso", disse o jogador de 24 anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos