Por excesso de vento, elenco do Liverpool rejeita centro de treinamento de 400 milhões, diz jornal

·1 minuto de leitura

O Liverpool investiu pesado para construir um novo centro de treinamento na cidade de Kirkby. Foram mais de 50 milhões de libras (cerca de 400 milhões de reais) gastos num complexo com três campos, dois ginásios e piscina. Mas segundo o tablóide inglês "The Sun", os jogadores não gostaram da localidade. O motivo: excesso de vento.

Segundo o diário, se fossem perguntados, os jogadores escolheriam voltar ao centro de treinamento antigo, Melwood, que acabou vendido. A área onde ficam as novas instalações é conhecida como "Windy Harbour" (Porto dos Ventos, em tradução livre), e equipes que jogam por ali relatam dificuldades.

O novo CT também não tem dado sorte aos Reds. Desde que se mudou para lá, a equipe perdeu sete e ganhou quatro das 13 partidas disputadas. Já em Melwood, foram dez vitórias nas últimas 13 partidas.