Postos de vacinação drive-thru em SP para idosos de 80 a 84 anos voltam a ter filas de espera nesta segunda

Redação Notícias
·3 minuto de leitura
É possível observar uma fila organizada em fileiras de três carros e contar, no mínimo, 150 veículos aguardando para imunizar idosos entre 80 e 84 anos de idade (Foto: Reprodução/TV Globo)
É possível observar uma fila organizada em fileiras de três carros e contar, no mínimo, 150 veículos aguardando para imunizar idosos entre 80 e 84 anos de idade (Foto: Reprodução/TV Globo)

Os postos de vacinação no sistema drive-thru em São Paulo voltaram a registrar filas de espera, na manhã desta segunda-feira (1°), em pontos montados em Interlagos, na Zona Sul, e no Estádio do Pacaembu, na Zona Oeste.

Nas imagens da TV Globo, é possível observar uma fila organizada em fileiras de três carros e contar, no mínimo, 150 veículos aguardando para imunizar idosos entre 80 e 84 anos de idade.

Leia também

Na terça-feira (2), de acordo com a Prefeitura, outros dois pontos serão abertos. Um deles no estádio do Morumbi, na Zona Sul da capital, e outro no Memorial da América Latina, na Zona Oeste.

A Prefeitura de São Paulo antecipou a data de início da vacinação contra Covid-19 para o grupo de idosos entre 80 e 84 anos. Prevista inicialmente para esta segunda-feira (1º), a imunização foi antecipada em dois dias e começou neste sábado (27).

A imunização de idosos entre 80 e 84 anos na capital paulista aconteceu nesses pontos drive-thru e nas AMAs. O primeiro dia foi marcado por espera e grandes filas.

Vacinação em UBS

A administração paulistana ampliou os pontos de vacinação contra a Covid-19 para as 486 UBSs (Unidade Básica de Saúde) da cidade. Idosos entre 80 e 84 poderão receber a imunização nestes pontos a partir desta segunda-feira (1º).

De acordo com o G1, algumas unidades, como a UBS da Vila Romana, na Zona Oeste, e de Santo Amaro e Campo Grande, ambas na Zona Sul, também registraram filas e espera à porta.

A estimativa do governo do estado, gestão João Doria (PSDB), é vacinar 563 mil pessoas entre 80 e 84 anos em todo o estado. Só na capital paulista são 140 mil.

O estado também pretende abrir a vacinação para os idosos entre 77 e 79 anos na próxima quarta (3). A estimativa é imunizar 430 mil pessoas deste público.

Fase laranja

A vacinação acontece no momento em que a Grande São Paulo entrou novamente na fase laranja do Plano SP, devido à alta no número de casos de Covid-19 no estado. Com isso, bares e restaurantes poderão funcionar só até às 20h.

Outras regiões, como Campinas, Registro e Sorocaba também regrediram e passaram da fase amarela para a laranja. Enquanto Marília e Ribeirão Preto entraram na fase vermelha. A única região do estado que apresentou melhora foi Piracicaba, que saiu da fase laranja para a Amarela.

Segundo informações divulgadas pelo governo estadual, com isso, 15% do paulistas estão na fase vermelha e 76% estão na fase laranja.

Um ano após desde o anúncio do primeiro caso de covid-19 no estado, São Paulo já teve 2,02 milhões de contaminados por coronavírus e 59.129 mortes pela doença. A taxa de ocupação das UTIs do estado está em 70,4%, enquanto na Grande SP o índice é de 70,8%. Segundo o Centro de Contingência do estado, 6,7 mil pessoas estão internadas em UTIs e outras 8 mil em leitos de enfermaria.