"Power Couple": Rogério acusa Cartolouco de usar morte do filho para atingi-lo

Claudia Castanheira, a Baronesa, e Rogério Silva desistiram do
Claudia Castanheira, a Baronesa, e Rogério Silva desistiram do "Power Couple Brasil" (Foto: Reprodução/Record)

Em live realizada pela Record na noite de sábado (28), Rogério Silva acusou Lucas Strabko, o Cartolouco, de usar a morte do filho do empresário para atingi-lo no "Power Couple Brasil". Segundo a esposa Claudia Castanheira, conhecida como Baronesa, o jornalista teria dito que Gustavo, filho do casal, teria morrido de overdose porque o pai era um agressor.

A princípio, Rogério hesita em revelar o motivo que o fez perder a cabeça durante uma briga generalizada no reality show na última sexta-feira (27) e desistir da participação na sexta edição do programa. Porém, Baronesa abriu o jogo sobre as ofensas: "Ele falou: 'seu filho se foi porque você é um agressor'", revelou.

Gustavo morreu em 2014, aos 17 anos, de uma parada cardíaca durante uma festa com amigos. O laudo médico apontou que ele teria tido uma overdose de cocaína: "Ele falou de Gustavo, meu filho que se foi. Mexeu numa ferida que eu não queria passar por isso, porque é uma ferida que nunca vai fechar na minha vida", justificou Rogério.

"A gente deixou bem claro que a única coisa que desestabilizaria a gente lá seria falar dos nossos filhos. Seja qual for. E ele fez isso. Ele fez o jogo sujo. Foi onde ele desestabilizou o Rogério. Você viu que Rogério perdeu a cabeça", completou a Baronesa. Rogério ainda disse ter sido triste rever as cenas de descontrole:

"Para fim, foi muito doloroso ver tudo aquilo acontecer. Ver também a forma como eu fiquei nervoso. Eu não queria ter chegado àquele extremo, mas o acúmulo que veio acontecendo dentro do programa eu não suportei", afirmou. Ele ainda disse que, apesar de tudo, não se arrepende e celebra a participação no "Power Couple":

"Não vou falar que eu me arrependo, porque é uma coisa muito ruim você se arrepnder. Porque ali foi um lugar mágico. Por mais que tenha dado todos aqueles problemas, é um lugar mágico. Sonho realizado. Um mês vivido de forma intensa. Eu me arrependo de ter feito o que eu fiz, de ter desisitido. Mas eu desisti, porque a minha saúde mental já não estava mais aguentando a pressão", concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos