Pré-cadastro de vacinação contra Covid em SP pode ser feito pelo WhatsApp

CLAYTON FREITAS
·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O governo do estado de São Paulo firmou uma parceria com o aplicativo de mensagens WhatsApp para a abertura de pré-cadastro para a vacinação contra a Covid-19. A medida não é obrigatória, mas visa agilizar o atendimento nos postos de vacinação. Segundo a gestão João Doria (PSDB), a economia de tempo chega a 90% no atendimento. Assim como acontece no site vacinaja.sp.gov.br , que já recebeu 4,9 milhões de pré-cadastros, o preenchimento do formulário não funciona como um agendamento, mas visa evitar as filas de atendimento. Para acessar o serviço pelo WhatsApp, basta adicionar o número +55 11 95220-2923 à lista de contatos e enviar um "oi". O acesso também pode ser feito clicando no link wa.me/5511952202923?text=oi. A interação é simples e intuitiva. Em um teste, a reportagem demorou quatro minutos para passar os dados necessários para o pré-cadastro. Após enviar um "oi" para o número indicado, um assistente virtual (chatbot) envia uma lista com oito opções de A a H. Essas opções fornecem informações sobre datas do calendário de vacinação atualizado, informações sobre o plano estadual de enfrentamento à pandemia, um tira-dúvidas sobre o coronavírus e também dados para esclarecer sobre notícias falsas. O usuário deve escolher a opção B, que o direciona para o pré-cadastro para vacinação. Antes do envio dos dados, o sistema questiona se o usuário aceita passar os dados pessoais para o cadastro. Caso aceite, os próximos passos serão enviar o nome completo, data de nascimento, endereço e o número do CPF. Essa parceria com o governo estadual integra as iniciativas do WhatsApp no combate ao coronavírus. O canal de comunicação foi desenvolvido sem custo pela empresa Take Blip. O projeto contou ainda com apoio da Microsoft e da Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo).