Prêmio The Best: Luka Modric põe fim ao reinado de Cristiano Ronaldo e é melhor do mundo pela 1ª vez

Paulo Amaral
Luka Modric é 1º jogador do leste europeu a levar o The Best.

O reinado de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo chegou ao fim. Pelo menos no que tange à premiação dada ao melhor jogador da temporada e monopolizada pela dupla desde 2007, ano em que foi para as mãos do brasileiro Kaká.

Luka Modric, principal jogador da Copa da Rússia e um dos grandes responsáveis por levar a Croácia ao vice-campeonato mundial, superou o egípcio Mohamed Salah e o português Cristiano Ronaldo para ser eleito vencedor do Prêmio The Best, a Bola de Ouro da Fifa, em solenidade de gala nesta segunda-feira (24), em Londres.

Essa é a primeira vez que um jogador do leste europeu vence a disputa pelo troféu de Melhor do Mundo da Fifa desde que a premiação foi instituída. O camisa 10 do Real Madrid-ESP já havia mostrado força no fim de agosto, ao ser eleito melhor jogador da Europa na temporada.


FICHA TÉCNICA

Nome completo: Luka Modric

Data de nascimento: 09/09/1985

Local de nascimento: Zadar (Iugoslávia)

Altura: 1,72m

Posição: Meio-campista

Clube: Real Madrid-ESP


De refugiado da guerra ao topo do mundo

Superação é a palavra que marca a História de vida de Modric.

Modric enfrentou um pesadelo em sua infância que muitas crianças do mundo viram somente pela televisão. Logo aos 6 anos de idade, em plena guerra pela independência da Croácia, que havia acabado de declarar sua separação da Iugoslávia, Luka viu o avô ser assassinado em frente à sua casa, fato que levou a família a fugir para Zadar.

Foi no estacionamento do hotel no qual se escondeu com sua família que o garoto deu início ao sonho de se tornar um craque do futebol. "Enquanto outras crianças dormiam abraçadas com bonecas e brinquedos, ele dormia com a bola", revelou Josip Bajlo, diretor do NK Zadar, em entrevista ao canal SporTV.

Luka Modric seguiu treinando no campo do clube da cidade até os 15 anos, quando chamou a atenção do Dínamo Zagreb, um dos principais clubes do País.

Após um início de carreira fulminante, se transferiu para o Tottenham e ajudou o time inglês a voltar à disputa de uma...

Continue a ler no HuffPost