Prêmio Literário José Saramago anuncia novas regras e 40 mil euros para vencedor

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Depois de adiar a realização de sua 12ª edição para 2022, a organização do Prêmio Literário José Saramago divulgou alterações nos requisitos para os autores candidatos.

Em comunicado, a Fundação Círculo de Leitores e a Fundação José Saramago, organizadoras do Prêmio, afirmam que poderão concorrer apenas obras de ficção inéditas de autores lusófonos. Até então, o prêmio acolhia obras cuja primeira edição tivessem sido publicadas em qualquer país da lusofonia.

A idade limite para os autores foi ampliada, passando de 35 para 40 anos, e o valor em dinheiro oferecido ao vencedor aumentou, de 25 mil para 40 mil euros. O autor premiado terá sua obra publicada em Portugal, pelo Grupo Porto Editora, e no Brasil, pela Biblioteca Azul, selo de literatura clássica da Globo Livros - o livro escolhido será distribuído em todos os países lusófonos.

Também nesta edição o júri passará a ser composto por escritores que já venceram o prêmio anteriormente. Para 2022 estão confirmados os nomes de José Luís Peixoto, Gonçalo M. Tavares, Valter Hugo Mãe, João Tordo e Bruno Vieira Amaral.

O regulamento e o processo de inscrição para o 12º Prêmio Literário José Saramago serão divulgados em janeiro de 2022, e o nome do vencedor será anunciado no último trimestre do ano que vem, quando se comemora, em 16 de novembro, o centenário de José Saramago.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos