Príncipe Andrew perde título honorífico da cidade de York

(Arquivo) Príncipe Andrew (AFP/RICHARD POHLE) (RICHARD POHLE)

O príncipe Andrew, afastado da vida pública britânica devido a um escândalo de abuso sexual, perdeu nesta quarta-feira o título honorífico que lhe havia sido concedido pela cidade inglesa de York.

Após uma votação unânime dos conselheiros locais, o segundo filho da rainha Elizabeth II, que ostenta o título de duque dessa cidade do norte da Inglaterra, perdeu a distinção de "Freedom of the city of York" que havia recebido em 1987. O título remonta a 1272, quando os "freemen" (homens livres) encarregavam-se de controlar o comércio e administrar os direitos de pastagem, mas hoje não tem mais do que um valor honorífico.

Moradores de York disseram à AFP que a associação do príncipe Andrew à cidade é uma "vergonha", e alguns, como Gwen Swinburn, pediram que lhe fosse retirado o título de duque de York.

O duque de York, 62, foi privado em janeiro de qualquer cargo oficial e não pode usar o título de Alteza Real, após ter sido acusado pela americana Virginia Giuffre de agressão sexual em 2001, quando ela era menor e vítima do financista americano falecido Jeffrey Epstein.

bur-spe/mba/dbh/atm/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos