Príncipe Andrew 'sabia que a denunciante de abuso sexual havia sido traficada', diz tribunal de Nova York

·1 min de leitura

O príncipe Andrew tinha total conhecimento sobre Virginia Roberts Giuffre ter sido traficada por por Jeffrey Epstein, de acordo com documentos judiciais recém-divulgados numa audiência em Nova York, realizada na semana passada. A reunião tratou da discussão de uma moção do duque para arquivar o caso.

Em uma transcrição, o advogado da realeza, Andrew Brettler, disse ao juiz: “Ela afirma que o príncipe Andrew estava ciente de que estava sendo traficada para várias categorias diferentes de indivíduos, incluindo realeza, academia, empresários", introduziu, complementando:

“Esses indivíduos fariam parte do mesmo empreendimento. Não era como se ela estivesse alegando que isso era algum arranjo secreto de tráfico.”

Sua equipe afirma que Giuffre, agora com 38 anos, assinou um acordo legal em 2009 concordando em não processar os co-conspiradores de Jeffrey Epstein.

O duque de York, de 62 anos, nega todas as acusações feitas contra ele. O juiz Lewis Kaplan disse que decidiria sobre a moção “em breve”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos