Príncipe Charles visita o Egito com foco no clima e na coexistência religiosa

·1 min de leitura
Príncipe Charles e Camilla em visita ao Cairo (AFP/Ahmed HASAN)

O príncipe Charles e sua esposa Camilla se encontraram com o presidente Abdel Fatah al-Sissi e o grande imã de Al-Azhar, a mais importante instituição do Islã sunita, no Cairo nesta quinta-feira (18), no início de uma visita de dois dias focada no clima e na coexistência religiosa.

Além dos encontros com as principais autoridades, o filho mais velho da rainha Elizabeth II, 73 anos, dedicará sua visita à promoção do trabalho das mulheres e da ecologia.

Charles e Camilla, que não visitavam o Egito desde 2006, também participarão de uma recepção nas pirâmides de Gizé, antes de viajarem para Alexandria na sexta-feira, cidade litorânea especialmente afetada pelas mudanças climáticas.

O Reino Unido sediou a COP26 este ano e o Egito sediará a COP27 no próximo ano. Na inauguração da conferência mundial do clima da ONU, o primeiro-ministro Boris Johnson mencionou justamente esta cidade egípcia. “Vamos dizer adeus a cidades inteiras: Miami, Alexandria, Xangai, todas perdidas nas ondas”, disse aos participantes.

Charles substituiu sua mãe de 95 anos, que está no trono há 70 e frequentemente delega tarefas para ele, dentro e fora do Reino Unido.

sbh/hha/hj/bl/mb/jc

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos