Príncipe Harry compara Meghan à mãe, Diana: 'Tem a mesma compaixão e empatia'

O príncipe Harry comparou a “compaixão” e o “calor” de Meghan Markle com sua mãe, a princesa Diana, no novo documentário da Netflix, “Harry & Meghan”.

“Muito do que Meghan é e como ela é, é tão parecido com minha mãe”, disse ele no primeiro episódio da tão esperada série. “Ela tem a mesma compaixão, a mesma empatia e a mesma confiança. Ela tem esse calor".

Não é a primeira vez que Harry compara Lady Di à Meghan. Na série intitulada "The me you can't see", ele falou sobre racismo e seu arrependimento por não ter denunciado quando aconteceu.

“Meu maior arrependimento é não ter assumido antes essa posição (de ter denunciado o racismo sofrido por Meghan) em meu relacionamento. A história estava se repetindo. Minha mãe foi perseguida até a morte enquanto mantinha um relacionamento com alguém que não era branco, e agora veja o que aconteceu.”

Ele acrescentou: “Você quer falar sobre a história se repetindo... eles não vão parar até que (Meghan) morra. É incrivelmente emocionante perder outra mulher em minha vida, mas a lista está crescendo. E tudo volta para as mesmas pessoas, o mesmo modelo de negócios, a mesma indústria.”

Durante o episódio, no qual Harry critica repetidamente a imprensa por assediá-lo durante toda a sua vida, ele expressou sua profunda preocupação de que a mulher sofresse o mesmo destino de Diana, que morreu em um acidente de carro enquanto era perseguida por paparazzi em 1997, em Paris.

“Muito do que Meghan é e como ela é, é tão parecido com minha mãe”, disse Harry no primeiro episódio da tão esperada série documental. “Ela tem a mesma compaixão, ela tem a mesma empatia, ela tem a mesma confiança. Ela tem esse calor sobre ela.

Durante o episódio, no qual Harry critica