Príncipe Khalifa do Bahrein, primeiro-ministro desde 1971, morre aos 84 anos

·1 minuto de leitura
O primeiro-ministro do Bahrein, príncipe Khalifa bin Salman al-Khalifa, morreu aos 84 anos
O primeiro-ministro do Bahrein, príncipe Khalifa bin Salman al-Khalifa, morreu aos 84 anos

O príncipe Khalifa bin Salman Al Khalifa, o primeiro-ministro que passou mais tempo no cargo - ele ocupava o posto desde a independência do Bahrein em 1971 - morreu nesta quarta-feira aos 84 anos, anunciou a imprensa estatal.

"A Corte Real chora por Sua Alteza Real, que faleceu esta manhã no hospital Mayo Clinic nos Estados Unidos", afirmou a agência de notícias BNA. O país respeitará uma semana de luto oficial.

De acordo com a BNA, o funeral do xeque Khalifa acontecerá depois do traslado do corpo e será reservado a apenas alguns parentes e amigos devido à pandemia do novo coronavírus.

O príncipe Khalifa foi uma personalidade central e polêmica. Era muito impopular entre a maioria xiita deste reino liderado por sunitas.

Manifestantes xiitas ocuparam durante um mês, em fevereiro de 2011, a praça da Pérola de Manama para pedir sua renúncia, a instauração de uma verdadeira monarquia constitucional e reformas políticas.

Mas os protestos foram reprimidos após a entrada de tropas do Golfo, especialmente sauditas, para proteger instalações consideradas vitais.

bur-sls/hj/bfi/mar/bl/fp