Príncipe William é flagrado vendendo revista no centro de Londres

O príncipe William foi flagrado se passando por um vendedor ambulante nesta quinta-feira nas ruas da capital britânica. Vestido com colete vermelho e chapéu combinando, ele oferecia a quem passava em Rochester Row , perto de Westminster, exemplares da revista The Big Issue, que oferece aos moradores de rua a oportunidade de ganhar uma renda por meio de sua venda ao público.

O segundo na linha de sucessão ao trono foi reconhecido por Vitalijus Zuikauskas, que aproveitou para tirar uma foto com ele e depois compartilhar no Instagram. “Um encontro inesperado com o príncipe William”, escreveu em sua conta na rede social.

O duque de Cambridge também foi 'descoberto' por um superintendente aposentado da Polícia Metropolitana, Matthew Gardner, que também publicou diversas imagens de William em outra rede social.

“ Meu cunhado estava em Londres hoje e viu uma celebridade, então tirou uma foto dele à distância. A celebridade em questão tomou conhecimento e atravessou a rua para investigar mais ", brincou. “ Que honra compartilhar um momento privado com nosso futuro rei, que é humilde e trabalha silenciosamente para ajudar os mais necessitados. Esses 'gestos silenciosos' muitas vezes passam despercebidos .”

Em troca de posar para a câmera, William aproveitou para fazer uma venda e assim arrecadar fundos para ajudar moradores em situação de rua em Londres.

“O final desta ocasião única foi quando o príncipe William perguntou ao meu cunhado se ele queria comprar a ‘Big Issue’, ao que ele respondeu: “Não tenho trocado”. William, não perdeu tempo e mostrou uma máquina de cartão.

Leitores de cartões têm sido cada vez mais usados ​​por moradores de rua, já que o número de pessoas com dinheiro no Reino Unido diminuiu nos últimos anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos