Prefeita bolsonarista renuncia ao cargo após posse de Lula

Ela já havia anunciado que renunciaria ao cargo após derrota de Jair Bolsonaro

Prefeita de Carlinda (MT), Carmelinda Martines (União Brasil) (Foto: Reprodução)
Prefeita de Carlinda (MT), Carmelinda Martines (União Brasil) (Foto: Reprodução)
  • Prefeita de Carlinda, no MT, renunciou ao cargo após Lula tomar posse;

  • Ela disse que "não compactua com a ideologia" do petista;

  • O vice-prefeito Pastor Fernando Ribeiro vai assumir o cargo.

A prefeita da cidade de Carlinda (MT), Carmelinda Leal Martines Coelho (União Brasil), renunciou ao cargo nesta terça-feira (3) por conta da vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições presidenciais de outubro.

Apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (PL), ela já havia anunciado que renunciaria ao cargo após derrota do ex-presidente nas urnas.

Carmelinda afirmou que não “compactua com a ideologia” do petista.

Segundo nota divulgada pela Câmara Municipal, ela entregou a carta de renúncia na prefeitura às 9h30 de hoje.

Além disso, o comunicado informa que Carmelinda tinha concordado em ficar no cargo até o dia 31 de janeiro para que seu sucessor, o vice-prefeito Pastor Fernando Ribeiro (PSC), possa assumir após "período adequado de transição".

Carmelinda foi eleita em 2016 e reeleita em 2020, quando obteve mais de 90% de aprovação, conquistando 4.646 votos da população de Carlinda.

O município fica a 724 quilômetros de Cuiabá, capital do Mato Grosso.

Como estão sendo os primeiros dias do governo Lula?