Prefeita eleita em cidade do Rio Grande do Sul morre por consequências da Covid-19

·1 minuto de leitura
Izalda Maria Barros Boccacio foi eleita com 53% dos votos (Foto: Reprodução)
Izalda Maria Barros Boccacio foi eleita com 53% dos votos (Foto: Reprodução)

Izalda Maria Barros Boccacio (PP), prefeita eleita de Santo Antônio das Missões, no Rio Grande do Sul, morreu por complicações do coronavírus na última quinta-feira, 3. As informações são do portal G1.

Atualmente, a política era vice-prefeita da cidade e, na última eleição, foi eleita com 53,47% dos votos.

Izalda tinha 72 anos e, segundo a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul, estava internada desde a última semana, quando foi diagnosticada com Covid-19. Ela estava no Hospital Ivan Goulart, em São Borja, mas, devido a complicações, foi transferida para Santa Maria.

Leia também

Na noite desta quinta-feira, Izalda não resistiu e morreu. Nas redes sociais, a prefeitura de Santo Antônio das Missões lamentou o falecimento da prefeita eleita.

“Não existem palavras para descrever tamanha tristeza que assola a todos neste momento. Uma perda irreparável.Professora Izalda Maria Barros Boccacio, vice-prefeita e primeira prefeita eleita em Santo Antônio das Missões, seu legado ficará para sempre em nossa memória e em nossos corações!”, escreveram.