Prefeitura libera público no Maracanã e Flamengo jogará Copa do Brasil e Libertadores no Rio

·1 minuto de leitura

A Prefeitura do Rio liberou a presença parcial de público Maracanã para os jogos a partir do dia 15 de setembro. E contemplou o pedido do Flamengo, que queria viabilizar o estádio para os jogos da Copa do Brasil e da Libertadores este mês.

Com a autorização de 35% a 50% entre o jogo com o Grêmio, no dia 15, pela Copa do Brasil, passando pela partida contra o mesmo rival pelo Brasileiro, e o jogo da Libertadores, no dia 22, contra o Barcelona (EQU), o clube dará preferência ao palco carioca. E não mais ao estádio Mané Garrincha em Brasília, que estava marcado para ser o local do duelo na competição sul-americana.

"A secretaria liberou seus primeiros eventos-testes. Um deles são os jogos no Maracanã por solicitação do Flamengo. Todas as pessoas vão precisar de testes e vacinas", declarou o secretário de saúde do Rio, Daniel Soranz, à Rádio Tupi. Foi o secretário quem assinou nota técnica assinada na última segunda-feira com a autorização, como informado pelo ge.

Desta forma, Flamengo e Grêmio terá mais de 24 mil torcedores para testar o protocolo que já deu certo na operação do clube em Brasília. Em seguida, a segunda partida terá 28 mil torcedores. E na Libertadores, o clube superará os 35 mil ingressos vendidos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos