Prefeitura do Rio recusa doação de R$ 300 mil, que ajudaria a enfrentar covid-19

Letycia Cardoso
·2 minuto de leitura
Dinheiro seria usado para transportar idosos e puérperas do hospital para casa, em segurança

A Prefeitura do Rio de Janeiro teria recusado uma doação de R$ 300 mil reais, que seria realizada pelo aplicativo 99 para auxiliar o enfrentamento do covid-19. O dinheiro seria convertido em corridas para transportar gratuitamente cerca de 12 mil puérperas e idosos de hospitais públicos para casa, sem nenhum custo para o município. Os motoristas de app também seriam beneficiados porque receberiam o pagamento pelo serviço de forma integral, sem desconto de taxas.

A denúncia foi feita pelo presidente da Associação de Motoristas Particulares Autônomos do Rio de Janeiro (Ampa-RJ), Denis Moura. Segundo ele, a recusa teria acontecido após o vereador Jorge Felippe (MDB) intervir na negociação:

— Ele alegou que estava defendendo os taxistas. Mas prejudicou não só a população, como motoristas autônomos, que viram o número de corridas cair em 60%. Acho que ele deveria ter proposto que o app usasse também táxis para o transporte, já que é uma possibilidade.

A 99 confirmou que a Prefeitura voltou atrás e recusou a oferta dos R$ 300 mil em abril. O dinheiro foi então direcionado a outros municípios. A empresa ainda afirmou que segue com suas ações em diversas cidades do país para ajudar no combate ao coronavírus, atuando, por exemplo, na entrega de remédios, no apoio à vacinação de idosos e no suporte ao deslocamento de equipes de saúde.

O vereador Jorge Felippe recusou que tenha se posicionado contra a doação:

— Não sou contra doações. Não sou favorável à contratação, paga com dinheiro público, de qualquer aplicativo para prestação de serviços à prefeitura em detrimento dos motoristas de táxis.

A Prefeitura foi procurada pela reportagem, mas não respondeu até o fechamento dessa matéria. O Sindicato dos Taxistas também não se manifestou.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra (21 99644 1263)