Premiê britânico Sunak condena atos antidemocráticos em Brasília

Primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak

LONDRES (Reuters) - O primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, disse nesta segunda-feira que condena qualquer tentativa de minar a transferência pacífica de poder e a vontade democrática do povo brasileiro, depois que apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro invadiram e vandalizaram as sedes dos Três Poderes, em Brasília, no domingo.

Sunak disse no Twitter que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu governo "têm total apoio do Reino Unido".

(Reportagem de Kylie MacLellan)