Presidente do Avaí Kindermann é internado por Covid-19 e estado é gravíssimo

Marcello Neves
·2 minuto de leitura

O presidente do Avaí Kindermann (SC), Salézio Kindermann, está internado em estado grave por complicações da Covid-19. Segundo informou a assessoria do clube, o gestor deu entrada no Hospital Maicé, em Caçador (SC), por volta de 4h30 da madrugada desta quinta-feira (8) e, por volta das 16h30, foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Salézio tem 77 anos e está respirando com auxílio de um cateter de alto fluxo de oxigênio. Sua esposa, Brigida Kindermann, também testou positivo para a Covid-19, mas segue se recuperando em casa. Além de presidente do Avaí Kindermann, Salézio também é gestor do Napoli, atual campeão da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino e que vai disputar a primeira divisão em 2021. Já o Avaí Kindermann é o atual vice-campeão da Série A1, tendo perdido a decisão do ano passado para o Corinthians.

O gestor é o grande nome por trás do Kindermann, que há algumas temporadas tem parceria com o Avaí. O time é um dos mais tradicionais do futebol feminino brasileiro. Salézio fez da cidade de Caçador, que tem pouco mais de 78 mil habitantes, um polo do futebol de mulheres. Ele refundou a Associação Esportiva Kindermann em agosto de 2004 e, desde então, tem se notabilizado como um dos grandes propulsores da modalidade no Sul do país.

Além de vice-campeão brasileiro em 2020, o Kindermann também chegou à decisão em 2014, quando perdeu para a Ferroviária. Além disso, o clube soma 11 títulos estaduais e a conquista da extinta Copa do Brasil em 2015. Já o Napoli, que venceu a segunda divisão no ano passado ao bater o Botafogo na decisão, também é de Caçador e tem Salézio como um de seus principais gestores.

Confira o comunicado do Avaí Kindermann

"Salézio Kindermann, presidente do Avaí Kindermann e também gestor da equipe do Napoli, testou positivo para a Covid-19 na última segunda-feira (5/04), após apresentar sintomas gripais. A confirmação veio após exame laboratorial RT-PCR, que confirmou o diagnóstico. Salézio teve complicações no quadro de saúde e piora nos sintomas. Ele deu entrada no hospital Maicé as 4h30 da madrugada desta quinta-feira (08/04) e por volta das 16h30, foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva – UTI. O estado de saúde de Salézio é considerado gravíssimo. Ele não foi entubado e segue respirando com a ajuda de respirador artificial. A esposa, Brigida Kindermann, que também testou positivo, segue se recuperando em casa. A família pede orações e boas energias para a recuperação de Salézio e Brigida".