Presidente da Alerj deve entrar de licença para tratar tumor na bexiga

Cristina Indio do Brasil – Repórter da Agência Brasil

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani (PMDB), foi diagnosticado com um tumor na bexiga.

De acordo com nota da subdiretoria de Comunicação Social da Casa, é o mesmo órgão onde o parlamentar teve um câncer no fim de 2010, do qual estava curado. A nota afirma ainda que o tumor, de cerca de 15 milímetros, foi identificado pelos médicos do parlamentar.

Segundo a subdiretoria, Picciani fará “exames mais conclusivos” na quinta-feira (6). Neste dia, a Comunicação Social dará mais informações sobre quando será feita a cirurgia e o tempo em que o presidente ficará de licença.

Picciani está a frente da presidência da Assembleia desde fevereiro de 2015. Antes disso, ocupou o mesmo cargo em quatro mandatos consecutivos entre 2003 e 2010.

A subdiretoria informou ainda que, no caso de pedido de licença de Picciani, o cargo passará a ser ocupado pelo 2º vice-presidente, André Ceciliano (PT), porque o 1º vice-presidente, Wagner Montes (PRB) está de licença.