Presidente da Anvisa anuncia doação de álcool para combate ao coronavírus

Gustavo Maia, Marcello Corrêa, Leandro Prazeres e Daniel Gullino

BRASÍLIA — Em entrevista coletiva no Palácio do Planalto na tarde desta quarta-feira, o diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, anunciou o acerto com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, para viabilizar a doação de material para a fabricação de álcool em gel e líquido para utilização em hospitais e desinfecção de superfícies. Barra elencou as ações da agência no enfrentamento ao novo coronavírus, o Covid-19.

O presidente Jair Bolsonaro informou em seguida que a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) acabou de anunciar e ofertar a doação de álcool "que se fizer necessário para combate ao coronavírus". A entidade representa as principais unidades produtoras de açúcar, etanol e bioeletricidade do centro-sul do Brasil, principalmente do Estado de São Paulo.

Barra, que é almirante da Marinha, foi o segundo a falar, após o pronunciamento inicial de Bolsonaro e a fala do ministro da Economia, Paulo Guedes. Ao anunciar o presidente da Anvisa, Bolsonaro elogiou o trabalho do dirigente da entidade, que o acompanhou durante as manifestações do último domingo.

— Anvisa voltou a ser aquilo que todos nós sempre queríamos, atuante e ativa. Os processos demorados e muito negociados que existiam no passado deixaram de existir em nosso governo — declarou Bolsonaro.