Presidente da Caixa, Pedro Guimarães, tem resultado positivo para Covid-19

·1 minuto de leitura

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, informou nas redes sociais que foi diagnosticado com Covid-19 neste domingo, tornando-se o quarto integrante de comitiva que acompanhou o presidente Jair Bolsonaro para a Assembleia-Geral da ONU a reportar a doença.

Também tiveram resultados positivos o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, e um diplomata.

Guimarães informou ainda que está em quarentena desde que chegou vindo de Nova York, na quarta-feira, sem sintomas e que havia tomado as duas doses de vacina.

Mais cedo, o presidente Bolsonaro informou que um teste realizado por ele neste domingo havia dado negativo.

O ministro da Saúde teve diagnóstico de Covid-19 ainda em Nova York, antes de embarcar de volta para o Brasil, e permanece em quarentena nos Estados Unidos.

Bolsonaro e os demais integrantes da comitiva foram orientados a permanecer em isolamento quando chegaram ao Brasil e realizar um novo teste até este domingo para verificar se tinham contraído a doença devido ao contato com Queiroga.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu; e Marta Nogueira)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos