Presidente da Fundação Palmares faz contagem regressiva para expurgo de livros do acervo do órgão

·1 minuto de leitura

Presidente da Fundação Cultural Palmares, Sérgio Camargo tem postado em suas redes sociais, desde o início do mês, fotos de livros que serão expurgados do acervo do órgão por serem, em suas palavras, relacionados à "doutrinação marxista" ou a "pedofilia, sexo grupal, pornografia juvenil, sodomia e necrofilia".

Nesta segunda-feira, Camargo postou fotos de alguns dos livros que serão excluídos do acervo de mais de nove mil volumes da Palmares. A seleção está a cargo de Marco Frenette, ex-assessor de Roberto Alvim, demitido do cargo de secretário da Cultura por apologia ao nazismo, que em março foi nomeado coordenador-chefe do Centro Nacional de Informação e Referência da Cultura Negra.

Em um post desta terça-feira, Camargo aparecia numa foto segurando dois exemplares de "O capital", com o seguinte texto: "Mais de 400 obras de e sobre Karl Marx no acervo cultural da Palmares! Os presidentes que me antecederam achavam que Marx era um negão.Tudo será excluído. Não somos uma seita comunista!"

O presidente da instituição também realiza em suas redes uma espécie de contagem regressiva até sexta-feira, data em que diz que ocorrerá "a exclusão do Marxismo na Palmares". "Será a abolição da escratura na Fundação!", complementa.

No site da Palmares há um texto confirmando o dia 11 de junho como a "data de lançamento do Primeiro Relatório Público Detalhado" realizado por Frenette e sua equipe. "Todo o acervo está passando por uma rigorosa avaliação, onde os técnicos da área fará um minucioso levantamento de todo o material, o que não estiver dentro do contexto dedicado à temática negra será retirado", informa o texto.

'Pretos racistas'

Nesta segunda-feira

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos