Presidente do México confirma plano de hospedar conversas políticas na Venezuela

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Presidente do México, Andrés Manuel López Obrador
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - O México organizará conversas entre o governo do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e a oposição política, disse o presidente Andrés Manuel López Obrador aos repórteres nesta quinta-feira, a primeira vez em que uma autoridade mexicana confirma as negociações.

"O que estamos procurando é que exista diálogo e acordos entre as partes", disse López Obrador, sem querer dar maiores detalhes.

Duas fontes a par da situação disseram à Reuters na quarta-feira que as conversas provavelmente começarão no dia 13 de agosto. Não ficou claro em qual local do México elas aconteceriam.

Maduro, responsável pelo colapso econômico do país antes próspero, diz estar disposto a negociar com o líder opositor Juan Guaidó.

Mas ele insiste que a pauta precisa se concentrar na suspensão das sanções dos Estados Unidos, a maior parte delas instaurada pelo ex-presidente Donald Trump dois anos atrás em uma tentativa fracassada de afastar o presidente socialista do poder.

Guaidó diz que a oposição quer usar as conversas para exigir garantias de eleições livres e justas na esteira de críticas abrangentes de que a última votação foi fraudada em favor dos governantes socialistas.

Conversas anteriores entre os dois lados não produziram resultados significativos.

(Por David Alire Garcia e Raul Cortes Fernandez)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos