Presidente do Peru espera nomear novo gabinete na sexta-feira

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Presidente do Peru, Pedro Castillo, durante pronuciamento à naçãon em Lima
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

LIMA (Reuters) - O presidente do Peru, Pedro Castillo, disse nesta quinta-feira a jornalistas que espera empossar um novo gabinete na sexta-feira, no que será seu quinto ministério em um ano marcado por instabilidade política e acusações de corrupção.

O anúncio acontece um dia após seu mais recente primeiro-ministro, Aníbal Torres, renunciar inesperadamente enquanto procuradores investigam com mais profundidade as acusações de corrupção envolvendo Castillo.

Castillo prestou depoimento nesta quinta em um dos cinco processos criminais contra ele. Entre outras questões, os inquéritos investigam se ele obstruiu a Justiça ao demitir um ministro do Interior e se suas indicações para cargos na polícia e nas Forças Armadas foram inapropriadas.

Castillo nega as acusações de irregularidades e disse que irá colaborar com as investigações. No Peru, um presidente pode ser investigado enquanto está no cargo, mas não pode ser indiciado.

Castillo assumiu o poder em julho de 2021, após vencer as eleições com uma plataforma de esquerda para melhorar a vida dos pobres e financiar novos programas sociais.

Seu governo tem sido marcado por um número inédito de trocas em cargos ministeriais. Ele já sobreviveu a duas tentativas de impeachment, e alguns parlamentares discutem um terceiro.

(Reportagem de Marco Aquino)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos