Presidente do Senado segue na UTI com quadro estável, diz hospital

Eunício Oliveira durante sessão no Senado 1/2/2017 REUTERS /Adriano Machado

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital de Brasília nesta quinta-feira após sofrer um desmaio de madrugada, e exames de imagem apresentaram resultados normais, informou o Hospital Santa Lúcia.

"O paciente Eunício Oliveira permanece internado na unidade de tratamento intensivo (UTI)... encontra-se estável no momento, consciente e orientado", diz boletim médico das 12h.

Segundo o comunicado, "após realização de exames, foram afastados: acidente vascular cerebral (isquêmico ou hemorrágico) e encefalite viral".

A assessoria do senador informou mais cedo que ele foi atendido primeiramente em uma clínica da capital federal e posteriormente transferido ao Santa Lúcia. Inicialmente pensou-se que Eunício havia sofrido um AVC.

A noite de quarta-feira foi bastante agitada no Senado, com votação de duas importantes matérias: um projeto que altera a lei de abuso de autoridade e uma Proposta de Emenda à Constituição que acaba com o foro privilegiado, com exceção dos presidentes da República, do Supremo Tribunal Federal (STF), da Câmara dos Deputados e do Senado.

A negociação para aprovar as duas matérias foi articulada por Eunício, com lideranças da base aliada e da oposição e varou a madrugada da quarta-feira.

O primeiro vice-presidente do Senado é o tucano Cássio Cunha Lima (PB).

(Reportagem de Ricardo Brito)