Preso por espancar filho, ex-peão da Fazenda foi expulso de reality por comportamento agressivo

O ex-peão do reality show “A Fazenda de Verão” exibido em 2012 pela TV Record, José Lucas Dias Barreto, preso por espancar o próprio filho, foi expulso do programa por seu comportamento agressivo. Na época, ele teria ameaçado outro participante com um machado, além de protagonizar brigas. José Lucas foi detido na segunda-feira por agentes da 72ª DP ( São Gonçalo), suspeito de torturar o filho de 5 anos.

Caso Henry: volta de Monique para a Secretaria de Educação causa mal-estar entre servidores da prefeitura

Passageiros prestaram auxílio: Criança nasce dentro de ônibus a caminho de hospital na Barra da Tijuca

O caso da violência contra a criança, divulgado primeiramente pelo site g1, aconteceu no bairro Nova Cidade, de acordo com a Polícia Civil. A defesa de José Lucas não foi localizada para comentar sua prisão. Em depoimento na 72ª DP, ele negou o crime.

De acordo com o Ministério Público estadual, a vítima foi levada a um pronto-socorro com um ombro fraturado e vários ferimentos, inclusive na boca e no nariz, além de queimaduras de cigarro. Médicos e enfermeiros desconfiaram do comportamento da criança e acionaram o serviço social da unidade, por suspeitarem de maus-tratos.

Segundo relatos de enfermeiros a investigadores, José Lucas ameaçou o filho dizendo “você vai me pagar”, enquanto fazia um sinal com as mãos, como se fosse degolá-lo. Na delegacia, ele alegou que o menino tinha fraturado o ombro durante uma brincadeira de luta entre os dois.

Preso na Zona Oeste: Polícia prende genro do traficante Nem, apontado como gerente do tráfico na Rocinha

O Ministério Público pediu a prisão de José Lucas com base nas lesões da criança e no comportamento dela e do próprio pai, que, de acordo com a promotoria, demonstrou agressividade diversas vezes.

Uma enfermeira contou a policiais que, enquanto o filho estava sendo preparado para uma cirurgia no ombro quebrado, José Lucas disse: “Você não tem mais mamãe para te mimar, você não contou nada para mim”.

Tumulto e machucados: Acidente em escada rolante do metrô na estação Estácio causa correria e deixa feridos

Uma outra enfermeira disse a investigadores que, dentro do pronto-socorro, José Lucas se deitou no chão e falou frases aleatórias, algumas com xingamentos e menções a Deus. Ele também teria dito que iria “matar todas as mulheres”.