Prévias do PSDB para 2022: Doria e Leite disputam candidatura tucana à Presidência da República

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
João Doria, governador de SP, e Eduardo Leite, governador do RS, disputam a indicação de candidato à Presidência da República pelo PSDB (Foto: Getty Images/ Reuters)
João Doria, governador de SP, e Eduardo Leite, governador do RS, disputam a indicação de candidato à Presidência da República pelo PSDB (Foto: Getty Images/ Reuters)
  • Prévias do PSDB decidem candidato a presidente do partido em 2022

  • Governadores João Doria (SP) e Eduardo Leite (RS) disputam candidatura ao Planalto

  • Tucanos temem que a disputa possa rachar o partido na eleição de 2022

Nesta segunda-feira (20), os governadores João Doria (SP) e Eduardo Leite (RS) registram suas candidaturas nas prévias que vão escolher o candidato a presidente do PSDB em 2022.

As prévias de dois turnos estão marcadas para os dias 21 e 28 de novembro.

Leia também:

"É com orgulho, humildade e senso de dever público que registro minha candidatura nas prévias do PSDB à disputa presidencial de 2022", escreveu Doria, nas redes sociais.

O senador Tasso Jereissati (CE) e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio dizem que vão disputar a vaga, mas não têm se articulado em busca de apoio.

Na última pesquisa Datafolha, divulgada na sexta-feira (17), Doria e Leite aparecem com 4% das intenções de voto. Enquanto isso, o ex-presidente Lula (PT) marca 44%, dependendo do cenário, e o presidente Jair Bolsonaro, 26%. Doria chega, ao máximo, a 6%.

Por outro lado, o governador gaúcho leva vantagem no índice de rejeição, que é de 18%, contra 37% de Doria.

Os diretórios estaduais já estão declarando apoio aos pré-candidatos. Doria recebeu o apoio simbólico do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, maior cacique do partido.

Evento de inscrição de João Doria nas prévias do PSDB para 2022 (Foto: Divulgação/PSDB)
Evento de inscrição de João Doria nas prévias do PSDB para 2022 (Foto: Divulgação/PSDB)

No entanto, a avaliação é de que Leite tem maior simpatia entre membros do PSDB e mais capacidade de congregar partidos aliados. Em contrapartida, Doria tem trabalhado de forma intensa e conta com a estrutura da legenda em São Paulo, estado onde o PSDB é muito forte.

O PSDB de São Paulo filiou 65 prefeitos e vice-prefeitos em julho, embora o diretório nacional tenha determinado que apenas ps filiados até 31 de maio têm direito a voto.

Desafeto declarado de Doria, o deputado Aécio Neves tem articulado a favor de Leite em Minas Gerais. Mas já defendeu que o partido abra mão da cabeça de chapa em prol da unidade na chamada ‘terceira via’. As conversas incluem nomes como Luiz Henrique Mandetta (DEM), Simone Tebet (MDB), Rodrigo Pacheco (DEM), que pode se filiar ao PSD, e Alessandro Vieira (Cidadania).

Tucanos temem que a disputa possa rachar o partido na eleição de 2022. Líderes querem garantir a união para o pleito do ano que vem, com apoio de todas as alas do partido ao candidato vitorioso nas prévias.

Outra preocupação é com a ala bolsonarista. Em 2018, deputados alinhados a Bolsonaro abandonam a candidatura de Geraldo Alckmin, que terminou com 4,76% dos votos. Integrantes da legenda acreditam que esses deputados devem pular do barco bolsonarista ou até acabar saindo do partido.

Eduardo Leite, governador do RS (Foto: Divulgação)
Eduardo Leite, governador do RS (Foto: Divulgação)

Confira os diretórios que já manifestaram apoio aos candidatos:

João Doria

  • São Paulo

  • Distrito Federal

  • Pará

  • Acre

Eduardo Leite

  • Rio Grande do Sul

  • Minas Gerais

  • Paraná

Como vão funcionar as prévias do PSDB

Colégio eleitoral de quatro grupos, com 25% de peso cada

  1. filiados

  2. prefeitos e vice-prefeitos

  3. vereadores, deputados estaduais e distritais

  4. governadores, vice-governadores, deputados federais, senadores, ex-presidentes do PSDB e o atual

Datas

  • 20.set - inscrição dos candidatos

  • 18.out - início dos debates

  • 21.nov - primeiro turno

  • 28.nov - segundo turno​

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos