PRF monitora 221 pontos de bloqueio em rodovias de 16 estados

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) monitora 221 pontos de bloqueios em rodovias federais em 16 estados e no Distrito Federal na tarde desta segunda-feira. Desde a noite de domingo, trechos das estradas passaram a ser bloqueados principalmente por grupos de caminhoneiros apoiadores de Jair Bolsonaro (PL), que protestavam sobre o resultado da eleição.

Pela manhã, havia 70 pontos bloqueados em 12 estados. De acordo com a corporação, havia pontos de bloqueio ou aglomeração nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Pará, Goiás, São Paulo, Alagoas, Acre, Amazonas, Rio Grande do Norte e Roraima.

A PRF informa que já acionou a Advocacia-Geral da União (AGU) para garantir, via liminar, a livre circulação nos trechos.

“A PRF encontra-se em todos os locais identificados com efetivo mobilizado nos pontos de bloqueio e permanece trabalhando pelo fluxo livre nas rodovias federais, viabilizando-se o escoamento da produção, assim como o direito de ir e vir dos cidadãos, além de seguir monitorando os locais com alta probabilidade de interdição”, diz em nota.