Primeira-dama da França também contraiu coronavírus no Natal

·1 minuto de leitura
Brigitte Macron, esposa do presidente francês, ao chegar ao funeral de um conhecido jornalista francês, Olivier Royant, editor da revista Paris Match, em 8 de janeiro de 2021 em Paris

Brigitte Macron, esposa do presidente francês Emmanuel Macron, teve coronavírus no Natal, mas não apresentou sintomas graves e já está totalmente restabelecida, informaram seus porta-vozes neste sábado (9), confirmando informações veiculadas na imprensa.

Brigitte Macron, de 67 anos, testou positivo na véspera de Natal, quando o casal estava de férias no sul da França, em uma residência oficial.

Seu esposo ficou doente uma semana antes e passou vários dias afastado de sua família.

Os porta-vozes de Brigitte Macron explicaram que não haviam informado oficialmente da doença porque não houve nenhum impacto na agenda oficial da primeira-dama.

Brigitte Macron testou negativo em um novo teste em 30 de dezembro, o que permitiu voltar a Paris e retomar suas atividades no dia 4.

leb-jk/pid/at/bl/es/gf