Primeiro-ministro do Japão propõe ao COI adiamento dos Jogos Olímpicos para 2021

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, teve uma conversa telefônica com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, na qual propôs o adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio. A ideia é que seja empurrado para o meio de 2021.

A informação é da emissora japonesa NHK. O relato cita que Abe argumentou a dificuldade para a preparação dos atletas diante da pandemia do coronavírus. O primeiro-ministro pontuou no papo que o COI já abriu discussões sobre os cenários possíveis para os Jogos e não descarta o adiamento.

No domingo, o COI estipulou para si mesmo um prazo de até quatro semanas para decidir o que fazer com Tóquio-2020. O evento está marcado para iniciar em 24 de julho.

Thomas Bach, em carta aos atletas, ressaltou que cancelar está fora de cogitação.