Primeiros casos de ebola em província da República Democrática do Congo

(Arquivo) Um trabalhador de saúde usando máscara e luvas de proteção prepara uma mistura de desinfetante à base de cloro, em Goma, RDC

Duas pessoas foram diagnosticas com ebola na província de Kivu do Sul, na República Democrática do Congo, e uma delas morreu, afirmou o governo da região, a terceira mais afetada pela epidemia no país.

Estes são os primeiros casos detectados nessa província.

Uma das vítimas, de 26 anos, faleceu e um de seus filhos acusou positivo no teste para ebola, e está sendo tratado pelas equipes médicas.

A epidemia do vírus ebola foi declarada em 1o. de agosto de 2018.

A doença é transmitida por contato humano direto e tem alta taxa de mortalidade, mas por um longo tempo limitou-se às regiões rurais do Kivu do Norte (principalmente Beni e Butembo) e do vizinho Ituri.

Dois casos também foram detectados na vizinha Uganda.

A República Democrática do Congo combate a segunda epidemia de ebola em seu território desde o início do surto da doença, em 1976.